Renê garante que o Flamengo tem condição vencer qualquer rival e projeta títulos no fim da temporada

A temporada está na metade, mas a famosa “montanha russa” do Flamengo já passou por diversos altos e baixos. No último domingo (26), a discrepância das emoções foi sentida na pele pelo torcedor rubro-negro, que viu a equipe tomar a virada para o Athletico Paranaense dentro do Maracanã e, com dois gols na reta final, conseguir uma nova virada e vencer por 3 a 2. A vitória, aliás, não livrou o Fla de críticas, e o lateral Renê analisou a situação.

Em coletiva concedida na manhã desta terça-feira (28), o camisa 6 comentou sobre a pressão que o elenco do Flamengo tem sofrido. Segundo ele, pelos resultados que o Fla entregou até então, as críticas não condizem com a realidade. Contudo, pelo tamanho do clube e a realidade vivida atualmente, o atleta afirmou que compreende a postura da torcida.

– Acho que, se for pensar por títulos e pelo que disputamos, é injusto. Mas se for ver o tamanho do clube que a gente joga, é uma cobrança natural. A gente sabia que seria cobrado mais ainda. Sabemos que futebol é 11 contra 11. As vezes somos cobrados a vencer todo mundo. Nosso time tem capacidade pra isso, mas tem jogo que não acontece. A cobrança é por ser Flamengo e pelo que esperam de nós, a gente sabe. Espero que no final do ano estejamos todos felizes com os títulos –, disse ele.

Agora com a pressão um pouco menor, o Flamengo inicia a preparação para o jogo do próximo sábado (01), quando encara o Fortaleza, no Maracanã, pela sétima rodada do Brasileirão. Com 10 pontos, o Fla ocupa hoje a sexta posição e, caso vença a equipe comandada por Rogério Ceni, pode assumir até mesmo a vice-liderança, dependendo de resultados de rivais que estão acima.

Fonte: Coluna do Flamengo
FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO